Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Ditadura

Armas e ditadura | a classe dominante não quer "espírito santo" nem democracia

Imagem
Uma coisa que me intrigava desde o meu primeiro contato com a Bíblia, foi, porque o deus bíblico precisou matar tanta gente para provar que ele era maior e que todos deveriam obedecê-lo sob pena de morte? Outro questionamento interessante era, por que ele ignorou as maiores civilizações e escolheu beduínos rudes e ignorantes do deserto arábico? O direito selvagem da conquista dos hebreus, inspirou os conquistadores e colonizadores europeus, que baseados na Bíblia, foram responsáveis por verdadeiros genocídios de povos nativos. O deus guerreiro hebreu fascinou os povos de índole guerreira da Europa, que viram seus deuses incorporados no Deus da guerra cristão. Milhares de anos se passaram e o arcaico deus da guerra do deserto continua mais poderoso que nunca. O ódio é o motor que move o seguidores do deus da classe dominante, que precisa dele para combater os “inimigos”: os pacifistas, humanistas, artistas, intelectuais e tudo que é civilizatório. O mundo ficou mais per

O país governado por uma seita de fanáticos capazes de tudo para se manter no poder

Imagem
Quando digo que estamos sendo governados por uma seita de fanáticos, tem gente que torce o bico. É inimaginável, um demente que quis fechar o Congresso, Supremo e ataca a imprensa, dizer que: “Estamos numa ditadura e nos próximos dias acontecerá algo que nos libertará”. O santo gado diz amém e dar glória a Deus! Será que o mequetrefe renunciará ou cometerá suicídio para não ter que encarará uma derrota esmagadora? O que será que essa mente doentia está planejando?

A tendência é que os fanáticos permaneçam com o mito e a elite migre para o 'justiceiro'

Imagem
A desaprovação de Bolsonaro é o menor desde o início do seu mandato. 65% dos entrevistados afirmaram ter uma imagem negativa do mandatário da nação e apenas 19% classificam a administração como ótima ou boa, segundo nova pesquisa Atlas , divulgada nesta segunda-feira (29). Essa queda brusca de popularidade se deve a entrada do seu ex-ministro da Justiça na disputa eleitoral. Atualmente, o ex-juiz já é a maior ameaça ao ninho bolsonarista, que teme ficar fora do segundo turno. O "gabinete do ódio” já está na linha de frente contra Moro, que conta com a grande mídia para atacar o ex-presidente Lula. O ex-juiz de Curitiba acolherá os desiludidos com o mito, incapaz impor a sonhada ditadura para perseguir a esquerda. Portanto, trocam o ditador pelo justiceiro na esperança que ele faça o que presidente não conseguiu concretizar, perseguir a esquerda,  como fez quando estava à frente da Lava Jato .  Aliás, o ex-ministro já foi uma espécie de “Super Man” pela elite. Dessa vez será o

Sara Winter é um arquivo vivo que faz revelações bombásticas a ISTO É

Imagem
A ex-ativista bolsonarista arrependida, revela que o que todos já sabiam; a orientação de atacar o STF partiu do Planalto e os discursos de ódio eram orientados pelos parlamentares bolsonaristas: Daniel Silveira (PTB-RJ), Carla Zambelli (PSL-SP), Sargento Fahur (PSL-PR) e Bia Kicis (PSL-DF). A revelação que era o general Heleno que orientava os ataques ao Supremo não nos deixa surpresos; era presumível, pois seu ódio pela Instituição guardiã do Estado Democrático de Direito, estava escancarado. Em entrevista à ISTO É, Winter, 29 anos, Sara não entende como há gente que ainda defende Bolsonaro, com todos os indícios de corrupção. Continue lendo ( aqui )

O ameaçador Zé Trovão já se entregou só falta o blogueiro da milícia digital

Imagem
   Fim de linha para o barulhento Zé Trovão, após ter passado quase dois meses foragido no México. O bolsonarista Marcos Antônio Pereira Gomes cognominado “Zé Trovão”, retornou ao Brasil para se entregar à Polícia Federal , nesta terça-feira em Joinville (SC). O suposto Líder caminhoneiro foi alvo de decreto de prisão do ministro do STF Alexandre de Moraes, mas, apesar da ordem de prisão, seu nome ainda não havia sido incluído na lista de difusão vermelha da Interpol, por isso as autoridades mexicanas não chegaram a prende-lo. Zé Trovão teve todos os pedidos de habeas corpus negado pelo Supremo, para não ser preso. Sem saída foi aconselhado por seus advogados a se entregar. A defesa tentará converter a prisão preventiva em medidas cautelares em prisão domiciliar com tornozeleira eletrônica. Aos poucos, o cerco vai se fechando para o clã Bolsonaro. Allan dos Santos será o próximo a ir para o xilidró, para o desespero de Carluxo, que pode ser delatado pelo blogueiro. A milícia

O mal travestido de religiosidade e o projeto de poder das mentes doentias do país

Imagem
  “ E, assim, eu creio, como sempre, que o meu comportamento está de acordo com a vontade do Onipotente Criador. Enquanto me mantiver de pé, serei contra o Judeu, defendendo a obra do Senhor.” Adolf Hitler em 1924, na autobiografia, o Mein Kampf . A CPI da pandemia revelou um verdadeiro antro no submundo do bolsonarismo. Ricos travestidos de religiosidade criaram redes de destruição de reputações que agem contra as instituições democráticas e sobretudo, o Supremo, guardião da Constituição. Os púlpitos das igrejas foram transformas em locais de propagação do ódio contra a esquerda e minorias tachadas de “comunistas” a ser combatida. São verdadeiros sepulcros caiados que não escondem a podridão dentro de si. O modus operandi é o mesmo da Alemanha nazista: "Gott mit uns", Deus está conosco. Antes de ser exterminados fisicamente, os judeus tiveram suas reputações assassinadas pela propaganda nazista, que os acusavam de deicídio. As ideias nocivas a respeito dos judeus como o

Sem votos para o segundo turno a "terceira via" concentra ataques contra Lula e esquece Bolsonaro

Imagem
  A terceira via acredita em um segundo turno contra Lula, que já se tornou alvos dos ataques que precedem as eleições de 2022; Bolsonaro é deixado de lado. Enquanto isso, o ex-juiz Sérgio Moro corre por fora acreditando numa pesquisa interna do Podemos. Pouco importa a destruição do Brasil pela extrema, para a elite, o principal inimigo será sempre um líder popular. No entanto, a terceira via tem poucas chances de emplacar um candidato no segundo torno, pois saíram do mesmo balaio do golpismo e tiveram coparticipação na eleição do atual presidente. Depositam as esperanças na possível cassação da chapa Bolsonaro/Mourão. Não seremos surpreendidos se optarem por apoiar Bolsonaro sob o verniz da “neutralidade”, caso fiquem fora do segundo turno; que o diga Ciro Gomes, por experiência. O elitismo é a única coisa que unem os políticos de direita e extrema-direita, que ancorados na religião legitima o “direito divino” de que a classe dominante foi escolhida por Deus governar sobre os demais

O MTST inicia uma onda de protestos contra a desigualdade social no país

Imagem
  A fome e a desigualdade social tem sido um agravante no governo Bolsonaro e foi motivo de um protesto inédito na cidade de São Paulo. A B3, sede da Bolsa de Valores brasileira foi ocupada pelo MTST em protesto contra desemprego e inflação. Em tempos de crise, banqueiros, bilionários e rentistas ficam mais ricos enquanto o povo sofre com a fome e o desemprego. O local do ato foi escolhido porque as ações das grandes empresas estiveram em alta em contraste com o aumento da miséria entre a população de baixa renda. "É inadmissível que quase 100 milhões de brasileiros estejam em situação de fome e insegurança alimentar enquanto os bilionários movimentam R$ 35 bilhões por dia só aqui na bolsa", afirmou Débora Pereira, liderança do MTST ( Movimento dos Trabalhadores Sem Teto ).

Bolsonaro parte para tudo ou nada e tenta ressuscitar a "facada" à véspera do dia 7

Imagem
  Há três anos, a Polícia Federal abriu dois inquéritos para investigar o ataque ao então candidato à presidência, Jair Bolsonaro Messias Bolsonaro. As investigações concluíram que Adélio agiu sozinho. Os sigilos telefônicos e bancários do agressor foram quebrados e nada foi encontrado de provas que o atentado contra Bolsonaro teve cúmplices ou mandantes. No entanto, o caso Adelio voltou à tona nas redes através de Bolsonaro e seu filho Carlos Bolsonaro, em sinal de desespero para tentar inflamar a manifestação marcada para amanhã, dia 7 de setembro.👇 Há 3 anos guardo imagens de meu pai caído num chão de um bar e de seu rosto perdendo a consciência diversas vezes após facada de ex-filiado ao PSOL, braço esquerdo do PT e alinhado da “terceira via”. Desde então, sigilos e fatos são obscuros. Quem mandou matar @jairbolsonaro ? pic.twitter.com/7RYqjdl52S — Carlos Bolsonaro (@CarlosBolsonaro) September 6, 2021 Caso Adelio voltou à tona nas redes, então é importante lembrar: o inquérit

Escola "bolsonarista" suspende professora por criticar Bolsonaro e helicóptero sobrevoa com bandeira

Imagem
Há três anos, a Polícia Federal abriu dois inquéritos para investigar o ataque ao então candidato à presidência, Jair Bolsonaro Messias Bolsonaro. As investigações concluíram que Adélio agiu sozinho. Os sigilos telefônicos e bancários do agressor foram quebrados e nada foi encontrado de provas que o atentado contra Bolsonaro teve cúmplices ou mandantes. No entanto, o caso Adelio voltou à tona nas redes através de Bolsonaro e seu filho Carlos Bolsonaro, em sinal de desespero para tentar inflamar a manifestação marcada para amanhã, dia 7 de setembro.

Postagens mais visitadas deste blog

Armas e ditadura | a classe dominante não quer "espírito santo" nem democracia

Atenção | Senador e candidato à presidência, Alexandro Vieira deixa o Cidadania

Deputado bolsonarista se esconde na Câmara para não usar tornozeleira eletrônica