Lula mantém liderança enquanto Bolsonaro perde votos para Moro; Ciro encolhe e desaparece das redes

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), candidato a reeleição, continua com os piores índices de aprovação e Moro nos seus calcanhares ganhando os votos de bolsonaristas arrependidos. Enquanto isso, Ciro Gomes encolhe e deixa de ser comentado nas redes sociais. Ciro já teve dias melhores quando estava sendo cotado como um possível vice de Lula. Uma indicação que teve o apoio de todo a esquerda, que considerava uma chapa imbatível. 

Contudo, ele nunca foi de esquerda e decidiu adotar a tática da direita, contra Lula. Arrogante e eloquente no discurso, Ciro Gomes confiou na lábia ao concentrar seus ataques no favorito nas intenções de votos. Cometeu o erro de relacionar Lula à Prevent Senior, foco da investigação da CPI da Covid naquele período. Essa agressão revoltou a esquerda, dividiu o PDT e causou a reação da presidente do PT, Gleisi gleisi Hoffmann, que disse: “Que fim de carreira’'. 

Essa fake news contra Lula deixou o candidato a presidente pelo PDT ainda mais isolado e sem perspectiva de disputa, além de perder a oportunidade de sobrevivência política no atual cenário nacional. Lula mantém a liderança e Ciro fica atrás do ex-ministro da Justiça, nas intenções de votos.

Postagens mais visitadas deste blog

Senador petista não segue o partido, vota a favor de Bolsonaro e revolta a esquerda

A tendência é que os fanáticos permaneçam com o mito e a elite migre para o 'justiceiro'